Vice Presidente do TRE-PR visita União da Vitória - Vvale

Vice Presidente do TRE-PR visita União da Vitória

Desembargador pediu atenção para o recadastramento biométrico

Luiz Taro Oyama
Luiz Taro Oyama

O Vice-Presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), Desembargador Luiz Taro Oyama, membro do Tribunal de justiça do Estado (TJ-PR) esteve em União da Vitória na terça-feira. Na oportunidade, Oyama se reuniu com os prefeitos da Amsulpar, com as Juizas Eleitorais, Dra.  Jeane Carla Furlan (153ª ZE), com a Juiza Dra. Leonor Bisolo Constantinopolos Severo (33ª ZE) e com a promotora Eleitoral, Rosana Longo.

Na pauta o recadastramento eleitoral, que acontece em União da Vitória e alguns municípios da região. De acordo com o prefeito em exercício de União da Vitória, Bachir Abbas, Oyama alertou que só faltam duas semanas para o fim do recadastramento e ainda faltam muitos eleitores se habilitarem na biometria, para as eleições de 2018. Na oportunidade, o magistrado pediu ajuda na divulgação para que o tempo não se torne inimigo dos eleitores. A meta inicial do Projeto Biometria 2017/2018 é chegar à marca de 85% do eleitorado até março de 2018.

Os eleitores devem ir ao Fórum Eleitoral dos municípios sedes das respectivas zonas eleitorais para seguir o processo. A Justiça Eleitoral disponibiliza um serviço de agendamento, que permite ao eleitor escolher dia e horário de atendimento. O sistema permite que, no dia da votação, a identidade do eleitor seja confirmada por meio da impressão digital. Quem não participar do recadastramento pode ter o título cancelado.

Atualmente, segundo o TRE, 54% dos eleitores paranaenses já foram revisados no sistema biométrico. A meta é de chegar à marca de 85% do eleitorado até março de 2018. Quem não fizer a biometria terá o título cancelado. “Isso gera um transtorno, pois o eleitor perde alguns direitos, por exemplo, não pode assumir cargo público”. Também não poderá tirar passaporte e o CPF pode ser cancelado.

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta