Momento Esportivo

Ricardo Aramis da Silveira

Orley do R. Maltauro não será o diretor do DME

OrleyXMaltauro

Orley do R. Maltauro. (Foto: Reprodução).

Nome mais forte para assumir a direção do Departamento Municipal de esportes (DME), o radialista Orley do R. Maltauro, definiu seu futuro nessa sexta-feira, 10. Em comunicado divulgado em uma rede social, ele descartou a possibilidade de aceitar a função.

O Capitão, como é conhecido, alegou não conseguir conciliar o trabalho no DME, com sua atuação nas rádios Colmeia e Top FM.

Ainda no comunicado, Orley agradeceu a administração de Porto União pela lembrança de seu nome, e se colocou à disposição para colaborar pelo esporte do município.

Lembrando que Orley já foi diretor do DME de 1997 a 2007.

Com isso, continua a indefinição de que estará comandando o esporte no município de Porto União.

Campeonato Varzeano tem nova Comissão

ComissXXoXVarzeano

Nova comissão do Varzeano

E nessa semana, foi oficializada uma nova comissão que estará à frente do Campeonato Varzeano de futebol em 2017.

Joacir Fernandes, o Feijão, que preside a Comissão, já esteve à frente do Campeonato a alguns anos.

Também fazem parte da comissão, Dirceu Marmita, Cordovan Melo Júnior, Gilson Lendzuk “Didi”, Andrei Silva, Ednilson Godoy, Cristina Fernandes Silva e Márcio Antunes.

Nos próximos dias devem ser divulgadas as datas das primeiras reuniões do Campeonato.

Confira a entrevista veiculada no programa Giro do Esporte da Super Rádio União, com Joacir Fernandes.

Campeonato Varzeano com novidades nessa semana

campeonatovarzeano-futebol-reproducao0602Após todos os problemas do ano passado, os amantes do Campeonato Varzeano de futebol querem mais que a bola role no estádio Municipal Álvaro Randon (Migé), em São Cristóvão.

E nessa semana, deve ser oficializada uma nova comissão que estará á frente da competição.

Vale ressaltar que o evento do ano passado foi encerrado por uma comissão formada por dirigentes de equipes. E por sinal fizeram um grande trabalho.

Agora aguardar e confirmar os novos nomes!!!

Somos realmente solidários?

formacao_cultura-da-solidariedade-1600x1200Os brasileiros realmente agradeceram aos colombianos a solidariedade durante a tragédia do voo da Chapecoense no ano passado? Ajudaram as famílias das vítimas? O estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro tem capacidade para mais de 40 mil pessoas, mas, somente pouco mais de 18 mil prestigiou o amistoso entre Brasil e Colômbia.

Má localização do estádio e desconfiança se realmente a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) irá repassar o valor arrecadado com a partida, foram alguns dos pontos apontados pela imprensa nacional, para tentar justificar a ausência de maior público.

Primeiramente, em minha opinião, o jogo deveria ter ocorrido na Arena Condá, em Chapecó.  Lá, não tenho dúvida de que estaria lotado, pois é a casa da Chape, e não haveria lugar melhor para demonstrar gratidão aos colombianos.

Porém, independentemente do local da partida, a impressão que fica é de que ou o povo brasileiro não é “tão solidário assim”, ou o famoso modismo entrou em campo. Modismo de ir no embalo da maioria em manifestar solidariedade e não colocar em prática.

Na época do acidente, as redes sociais foram locais de mensagens emocionantes de apoio as famílias das vítimas. Mas, quase dois meses após a tragédia, clubes que confirmavam apoio não o fizeram, e no caso de ontem, a decepção ficou por conta da torcida.

Agora fica a pergunta. Caso fosse o contrário, haveria toda a mobilização brasileira para ajudar possíveis vítimas colombianas? Infelizmente, é para se pensar.

Equipe do Projeto Paralímpico participa de evento no Rio de Janeiro

projetoparalimpico-uniaodavitoria-esporte-riodejaneiro

Edinho Slonski e Ednilson Godoy.

O coordenador Edson Slonski e o voluntário Ednilson Godoy do projeto Paralimpico de União da Vitória, participaram do V seminário Internacional e IX Curso de Capacitação Técnica organizado pela aAssociação Nacional de Desporto para Deficientes (ANDE). O evento acontece no Rio de Janeiro, de hoje, 25, até o próximo domingo, 29.

No evento, a equipe estará apresentando o trabalho realizado com a modalidade da petra, na qual o projeto paralímpico de União da Vitória é uma das referências no país.

Retornando as trabalhos!!!

estamos-de-voltaApós as férias, volta ao trabalho. Um período bastante proveitoso para colocar a leitura em dia, refletir e voltar a fazer caminhadas. Isso mesmo, para surpresa de alguns estou realizando atividades físicas rsrsrs.

O bacana disso tudo é o incentivo que venho recebendo, assim, posso ter um pouco da sensação que tem os atletas de divulgamos ao longo do ano. Claro, que estou bem longe de ser considerado um atleta, porém, até ás 16h40 dessa segunda-feira, dia 23 de janeiro perdi quase 2 quilos. Que beleza!!!

Estou de volta renovado e muito empolgado com o ano que se inicia, mas, principalmente por fazer o que amo: jornalismo.

Vamos que vamos, 2017 já começou e muito esporte vem por ai!!!!

 

Até 2017!!!

fim-de-ano-620-1O ano de 2016 foi marcado por inúmeros acontecimentos esportivos na região. A maioria positivos, porém, algumas coisas os esportistas querem esquecer. Independente disso, o saldo é bastante positivo.

De minha parte fica o agradecimento a todos os atletas, dirigentes, e organizadores, por confiarem em nosso trabalho ao longo do ano.

Agradeço também aos colegas de equipe esportiva, Beto Reolon, Celso Lazzarini, Dudu Guerreiro, Valdir Gehlen, Edinho Guerreiro e Eloir Martins, que me ajudaram durante toda a temporada.

Fica também o agradecimento a GGNET, Herbert Materiais de Construção e Lotérica do Calçadão, que apoiaram o projeto esportivo do Grupo Verde Vale de Comunicação. Em 2017, será um grande prazer contar com essa parceria novamente.

Por fim, o agradecimento a direção do grupo, em especial ao diretor executivo Caique Agustini, que mesmo em um ano péssimo para a editoria esportiva no País, com fechamento de equipes de esportes de rádios tradicionais, jornais de circulação nacional diminuindo, ou até mesmo extinguindo a editoria, aqui, acreditou na importância social que o esporte trás, e permitiu que pudéssemos fazer o trabalho.

Que 2017 chegue com muito esporte, e grandes oportunidades para todos nós!!!

Ser ou não ser, eis a questão

CordovanXNeto

Cordovan Neto

O nome do professor Cordovan Neto vem ganhando força para assumir a Secretaria de Esportes de União da Vitória, a partir de janeiro de 2017, com a nova administração Municipal. Aficionados pelo esporte local, estariam com um certo receio da aceitação para eventual nomeação.

O “pé atrás” não diz respeito a qualquer inabilidade de desenvolver o trabalho de secretário, pelo contrário, o jovem professor já comprovou sua condição de assumir desafios como este. O receio fica por conta da sequência competente do trabalho que Neto realiza em prol do basquete de base em Porto União.

Cordovan Neto vem se destacando nos últimos anos em descobrir e revelar novos talentos para a modalidade. A cada ano, Porto União consegue com mais tranquilidade renovar suas equipes, e ampliar sua competitividade.

Outro viés é que Cordovan Neto vem com frequência sendo convocado para a Federação Catarinense de Basquete, comandando as equipes de base do Estado em diversas competições. Trabalhos positivos, que o credenciam certamente para em breve integrar a comissão técnica de alguma equipe de base da Seleção Brasileira ou de algum clube de maior representação.

O que deixa colegas do mundo esportivo de cabelo em pé é saber o que o destino reserva para o jovem treinador. Ao optar pelo caminho do secretariado municipal (viés administrativo-político) poderá seguir trilhando o caminho profissional sem obstáculos maiores? As chances de progredir no futuro brilhante até agora trilhado serão mantidas ou portas serão fechadas? Só o tempo dirá.

Grupo de amigos promove mais uma edição do Jogo do Ano

AVAHIX-XJogoXdoXAno

(Foto: Reprodução).

Um dos mais tradicionais clubes esportivos da região, o Avahi Futebol Clube recebeu na sexta-feira, 23, mais um tradicional Jogo do Ano. O grupo Amiguinfest, participou da confraternização na sede do clube no bairro Rio D´areia.

Além do jogo de futebol sete, os participantes puderam colocar a conversa em dia, já que muitos das gerações residem em outras cidades, e aproveitam esses momentos para reencontrar os amigos.

Após os jogos, todos se reuniram para um jantar de confraternização, já iniciando a contagem regressiva para mais uma edição do Jogo do Ano.

Atleta de Porto União é campeão da Liga Catarinense de futsal

FUTSALX-XPeixeXcomXosXtrofXXus

Peixe com os troféus conquistados pela equipe

Jackson Alves, o popular “Peixe”, conquistou com a equipe do ADAF Saudades, o título da Liga Catarinense de Futsal. O atleta foi peça importante durante toda a campanha vitoriosa.

Peixe sempre foi destaque nas equipes que atuou no Vale do Iguaçu. Também integrou o grupo do Porto União Futsal, que disputou em 2015 a segunda Divisão do Campeonato Catarinense.

Mesmo com a péssima campanha da equipe, Peixe foi um dos poucos destaques, o que resultou no convite para atuar no ADAF Saudades.

A partir daí, o atleta começou a colher os frutos com os bons resultados.