Piloto Online

O Papo das Duas

papo-das-duas2Enquanto observam o povo cabisbaixo na cidade, as duas conversam sobre coisas dessa vida.

– Engraçado, pequena, nosso povo é sempre tão alegre e agora olha isso, todo mundo quieto, fechado, de cabeça baixa. O que aconteceu?

– Devem estar cansados de tudo isso, grandona. Corrupção, greves, protestos, inflação, violência, essas coisas.

– Mas agora é a hora e lutar, não de entregar os betes, pequena. Cadê o brio desse povo trabalhador?

– Grandona. Quantas CPIs você viu resultar em alguma coisa? Até o mensalão que foi um monte de gente para a cadeia, estão anulando as sentenças…

– Pensando por aí é verdade, pequena. Esse realmente é o país da impunidade, da corrupção, da maracutaia…

 – E não é grandona? Lembra o que o síndico, o saudoso Rolha de Poço Maia falou uma vez?

– Não. O que ele disse, pequena?

– Ele disse “Este país não pode dar certo. Aqui prostituta se apaixona, cafetão tem ciúme, traficante se vicia e pobre é de direita”. E não é verdade?

– Pior, pequena, é que no supermercado, as coisas estão subindo. A gasolina, a luz, a água, o aluguel, o gás, o diesel. Aí não tem como o povo ficar feliz, né?

– Então, grandona, quanto tempo você não ouvia que o dólar, a moeda dos gringos, passou dos três pilas?

– Mas domingo vai ter protesto né, pequena?!?

– Mas os objetivos estão errados. Querem que a Zilma Pettessef saia do poder. Qualquer outro que entrar pega o país nas mesmas condições, com as mesmas leis que favorecem a corrupção.

– Mas então, pequena?

– Tem que fazer as reformas, política, eleitoral, econômica e tributário. Fazendo essas leis o pais volta para os trilhos sozinhos sem depender de presidentes da petezada ou da “tucanaiada”.

– Olha pequena, é preciso lembrar que quem faz as leis são os senadores e deputados. E eles servem aos interesses de quem está no poder.

– Então, grandona, devemos começar pela reforma eleitoral. Acabar com reeleição, cumprir na íntegra a Lei da Ficha limpa, por exemplo…

– Sabe que agora me deu até uma tristeza, acho que to começando a entender o povão, pequena.

– É preciso sair nas ruas protestar sim, mas por reformas, por um Estado desemperrado, livre ao braço longo da corrupção. O resto é consequencia, grandona. Vamos aguardar domingo…

Obs: O papo das duas é uma crônica de humor (?) com fatos e personagens absolutamente fictícios. Qualquer semelhança é para ver se todo mundo enxerga o mundo com mais clareza. Até…