A marca da vergonha: Pichação estraga nova pintura da Unespar

Unespar vai instalar câmeras de monitoramento para inibir a ação marginal

pichadoX01A pintura do prédio da Unespar, de União da Vitória tem vários fatores positivos para a cidade. O primeiro deles é levantar a autoestima da instituição de ensino mais tradicional de União da Vitória. A segunda é uma revitalização da praça Coronel Amazonas e arredores.

Para tanto, a Unespar está gastando R$ 98 mil para a pintura do edifício. A empresa Solid Work, de Concórdia – SC, mal iniciou a primeira demão de tinta e vândalos já picharam a parede.

É o retrato do atraso e da impunidade. A parte de trás da Unespar, onde a iluminação é deficitária estava sendo usada como ponto de encontros amorosos, consumo de drogas e para pichação e como vaso sanitário.

Sim, alguns porcalhões fazem suas necessidades fisiológicas na parede de trás do campus da Unespar. O objetivo com a revitalização é devolver a dignidade ao local.

Com verbas das emendas do deputado federal licenciado, Valdir Rossoni (PSDB), a reitoria do campus local, está trocando o telhado, instalando um sistema moderno de internet dentro do prédio e pintando o prédio. Mas a incapacidade de ver o progresso fica evidente em alguns que usam o vandalismo para extravasar suas frustrações.

Vigilância e denúncia

O remédio, segundo o reitor do campus de União da Vitória é a instalação de câmeras de monitoramento para inibir a ação marginal, e melhorar o aspecto da parte dos fundos do prédio da Unespar. Mas só isso não basta.

É preciso a participação da comunidade denunciando esses parasitas do dinheiro público. Como a emenda é de recursos federais, fica evidente que quem está pagando a conta é o contribuinte.

Os acadêmicos querem um local aprazível e confortável, a população quer um prédio bonito e bem cuidado, os professores sentem orgulho de dar aula em um prédio bem organizado, então não é possível não se revoltar quando aparece um marginal pichando a parede”, desabafa o reitor da Unespar, Valderlei Garcia Sanches.

Disque denúncia

A Polícia Militar de União da Vitória lembra que qualquer canal da polícia serve para denúncias anônimas. Para isso é só ligar, por exemplo, para o 190 e denunciar, dizendo que quer sua identidade preservada.

Com base na sua denúncia a polícia chega até os autores de qualquer crime, mesmo que seja uma pichação. Para a polícia, que preza pelo policiamento comunitário, é preciso acabar com a proteção de quem comete qualquer tipo de crime.

Uma sociedade só é participativa se a população contribuir denunciando qualquer atividade marginal, com tolerância zero. Daí para frente, o serviço é com a autoridade policial.

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta