Justiça condena envolvido em acidente que matou casal na rodovia SC-135

Um júri popular realizado no fórum de Caçador, condenou nesta quarta-feira, 29, a pena de 7 anos e 6 meses de reclusão em regime semiaberto, Rodrigo Corrêa Frozza, de 26 anos. Ele foi acusado de ser o responsável de um acidente de trânsito que resultou na morte de um casal em 2015, na rodovia SC-135.

Rodrigo dirigia uma Ford F-4000 quando bateu de frente em um VW Gol, matando Juliano Luiz Ferreira e Mônica Cristina Pilarski. O acidente que aconteceu no dia 22 de fevereiro de 2015, em Rio das Antas causou grande comoção em toda a região.

Segundo informações do Ministério Público para o Portal Caçador Online, “não há dúvida de que o réu assumiu o risco de produzir a morte, pois estava embriagado, conduzindo um veículo cuja categoria não tinha habilitação, além de estar em alta velocidade, e por isso pediu a sua condenação”.