União da Vitória volta para bandeira amarela para Covid após cinco meses

Classificação significa risco moderado para a doença respiratória, porém a cidade ainda não voltou à normalidade

“Nova classificação aparece como luz para o momento em que estamos passando”.  

Frase é da Chefe da 6° Regional de Saúde de União da Vitória (6ª RS), Paula Fernanda Quaglio Krzyzanowski, ao informar neste domingo, 18, que após cinco meses, União da Vitória voltou para bandeira amarela para Covid-19. Até então, a cidade alternava entre as bandeiras vermelha e roxa, sendo nível máximo de atenção para a doença respiratória.

Segundo a profissional de saúde, a bandeira amarela indica uma situação mais amena, com medidas mais flexíveis, e avançando o grau de restrições até a preta, quando seria necessária maior restrição. Porém, Paula explica que as medidas restritivas de combate à doença seguem mantidas, pois a cidade ainda não voltou à normalidade, sendo necessária cautela.

“A alteração de bandeira significa alívio à população e permite que se saiba de forma direta como está a capacidade de resposta do sistema de saúde para o enfrentamento da doença”.

A bandeira também baliza as medidas necessárias para contenção da pandemia. A indicação para União da Vitória significa melhora nos indicadores como diminuição na ocupação de leitos exclusivos para Covid, além da queda na taxa de transmissão e avanço da vacinação.