Educadora comenta sobre Novo Ensino Médio em 2022

Patrícia Luana Schwartz Gasparoto foi a convidada do Programa CBN Linha Aberta

Patrícia Luana Schwartz Gasparoto, diretora do Colégio Técnico de União da Vitória (Coltec), vem participando de várias rodadas de estudos   sobre o Novo Ensino Médio para 2022. Previsto em lei e sancionada há cinco anos, seu modelo é semelhante ao já existente em outros países, como Estados Unidos, Finlândia e Coreia do Sul.

Entre as principais mudanças estão o aumento da carga horária dos estudantes, a adoção de uma base comum curricular e a escolha dos itinerários formativos por parte do aluno. O Novo Ensino Médio entrará em vigor em fevereiro para os alunos do primeiro ano e até 2024 estará em todas as turmas do País. A mudança vai aumentar a carga horária total ao longo dos três anos que vai passar de 2400 horas para três mil horas. Destas, 1800 horas serão destinadas às disciplinas obrigatórias da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e 1200 horas para os itinerários formativos.


O Novo Ensino Médio propõe uma reforma matriz de referência curricular  dos alunos do 1º, 2º e 3º ano dessa etapa escolar. A Lei nº 13.415/2017, que institui as alterações, estabelece maior integração e flexibilidade curricular e a oferta de itinerários formativos.