2ª Seminário do Programa Planorte Leite é realizado em Canoinhas

seminario-leite-planaltonorte
(Foto: Assessoria).

Foi realizado durante a manhã dessa sexta-feira, 11, no Parque de Exposições ouro Verde em Canoinhas, a segunda edição do Seminário do Programa Planorte Leite. O objetivo é desenvolver sustentavelmente o Planalto Norte de Santa Catarina na pecuária de leite.

O programa foi construído coletivamente por entidades regionais, representando os setores políticos, técnicos e de representação de produtores, visualizando o Planorte Leite, que pode se tornar um maço importante para dinamização da economia regional. Também foram entregues prêmios a famílias da região que se destacaram durante o ano, dentro da proposta do Programa.

O secretário regional Ricardo Pereira Martin, no ato representando o governador João Raimundo Colombo, assinou o recebimento do ofício, presidente da Epagri Luís Ademir Hassmann junto ao diretor de projetos especiais do Programa SC Rural, Ditmar Afonso Zitmah, da não objeção do Termo de referência para contratação de consultoria para estudo de viabilidade econômico-financeira para implantação de agroindústria de beneficiamento de leite produzido no Planalto Norte Catarinense, por parte do Banco Mundial.

Desta forma a Epagri ficou autorizada a dar andamento ao processo para viabilização da contratação da consultoria pretendida. Secretário regional destaca as importantes conquistas em apenas dois anos do Programa “O Planorte Leite é um programa que beneficia não somente a produção leiteira, mas todas as demais cadeias produtivas de nossa região. Isso é extremamente favorável para o crescimento do Planalto Norte”, frisou Martin.

O coordenador do Planalto Norte de Pecuária da Epagri, Waldemiro Sudoski, fez uma explanação durante a abertura sobre o Programa, explicando que a atividade da pecuária leiteira possibilita encadeamento muito grande entre as diversas etapas que integram a cadeia produtiva de leite, podendo estimular a instalação de novos empreendimentos, rações e medicamentos, indústrias processadoras.

Waldemiro também fez um breve relato dos avanços em pouco mais de um ano e três meses de lançamento do Programa na região. “Um dos grandes avanços é o apoio do SC Rural, com recursos da ordem de R$ 3 milhões a fundo perdido e que estão sendo aplicados no sistema produtivo das propriedades da região. O programa tem contribuído muito para consciência do desenvolvimento regional”, enfatiza Sudoski.

O evento contou com expressiva presença de comunidade, agricultores, autoridades regionais, estaduais e federais. Entre as autoridades presentes estavam o secretário regional de Canoinhas, Ricardo Pereira Martin e de Mafra, Abel Schroeder; prefeito de Canoinhas, Luiz Alberto Rincoski Faria; deputado federal Mauro Mariani; representando o deputado estadual Antônio Aguiar, o assessor Paulo Rocha Faria Junior; deputado estadual Dirceu Dresch; representantes da Epagri; Cidasc; além de todos os prefeitos da região e representantes dos sindicatos da região.

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta