União da Vitória como uma Cidade Inteligente, que tal?

Projeto apresenta a substituição de cerca de nove mil lâmpadas convencionais por de LED; cidade segue os passos de outras que já modernizaram o seu sistema, cujo resultado foi uma economia de até 50% do que gastavam com iluminação pública

União da Vitória tem novidade para 2020.

uniaodavitoria-reproducao
(Foto: divulgação)

A cidade pretende criar um laboratório a céu aberto para soluções que tornem a cidade mais inteligente.  

O projeto que contará com o processo de licitação através de parceria público-privada (PPP), pretende reunir empresas de diversos segmentos para implantar, testar e validar soluções tecnológicas que proporcionem melhor qualidade de vida aos moradores e visitantes e que tornem os serviços urbanos mais eficientes.

De acordo com a Administração, União da Vitória está a um passo como Cidade Inteligente, a conhecida *Smart City.

O estudo para implantação do sistema foi desenvolvido pela Omatic Engenharia de Curitiba (PR).

2020-felipe-lucci
“Tivemos como missão desenvolver um projeto mais eficiente, econômico e ecológico para União da Vitória. As atuais lâmpadas apresentam grande risco de contaminação por metais pesados. A substituição também leva em conta o meio ambiente, já que as de LED reduzem as emissões de dióxido de carbono (CO2)”, explica Felipe Lucci, engenheiro e um dos sócios da empresa.

Segundo Felipe, cerca de 10% das quase nove mil lâmpadas da cidade apresentam falha.

Conta que é como se em uma casa com dez lâmpadas sempre houvesse uma queimada e fosse toda equipada por lâmpadas da década passada. Ou seja, sempre haveria um cômodo no escuro e a conta de energia seria realmente muito alta.

“Outra situação encontrada na avaliação para o projeto, mais estrutural, é que 40% das vias de União da Vitória são sub-iluminadas, havendo a necessidade de complementação da iluminação. Desta forma o projeto contempla não só a eliminação de gastos, como garante mais segurança à população e prepara a cidade para o futuro”.

A ideia em União da Vitória será a substituição de suas quase 9 mil lâmpadas tradicionais por de *LED. A troca representará uma economia anual aos cofres do município de R$ 1 milhão, entre consumo e manutenção.

A cidade segue os passos de outras que já modernizaram todo ou parte de seu sistema, e conseguiram economizar até 50% do que gastavam com iluminação pública, como é o caso de Curitiba, Florianópolis e Belo Horizonte.

O valor total estimado do projeto é de R$ 130 milhões. A empresa que vencer a licitação administrará a infraestrutura de iluminação pública de União da Vitória, por até 23 anos. O anúncio da empresa que vai realizar o trabalho deve ser anunciado ainda neste segundo semestre.


Vvale: As lâmpadas convencionais elas são prejudiciais ao Meio Ambiente?

Felipe Lucci, engenheiro e um dos sócios da empresa Omatic Engenharia de Curitiba: 


Vvale: Qual é a eficiência energética desse projeto em União da Vitória?

Felipe Lucci


Vvale: O senhor diria que a iluminação pública desempenha um papel fundamental nesse processo de conversão para cidade inteligente?

Felipe Lucci


O que é uma Smart City?

Uma cidade Inteligente tem como objetivo alcançar sustentabilidade, segurança e qualidade de vida, reduzindo os custos de quem mora nela.


Primeira cidade inteligente brasileira

O nome da primeira cidade inteligente brasileira é Smart City Laguna. Fica no distrito de Croatá (CE) e ocupa uma área de 300 hectares.

2020-cidade-inteligente
(Foto: reprodução – Smart City Laguna)

LÂMPADAS DE LED

O LED (Diodo Emissor de Luz) das lâmpadas faz com que ela trabalhe com maior eficiência, consumindo cerca de 85% menos energia que as lâmpadas fluorescentes.


Por que a energia é a base das cidades inteligentes?

As lâmpadas de LED espalhadas pelas cidades podem ser utilizadas para criar uma rede que transporta dados e agrega serviços. Para isso, elas são equipadas com dispositivos inteligentes e sensores. Esses acessórios se comunicam com softwares que recebem e interpretam as informações enviadas por eles. Os sensores usados podem captar dados sobre o desempenho da lâmpada e o que acontece no ambiente em que ela se encontra.

 

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse.

Ao prosseguir você concorda com nossos termos de uso.