Dama centenária é considerada um ícone de Paula Freitas

Ela é conhecida por Maria Messias e aos 103 anos, ainda se reconhece como uma ‘mocinha’

De nome Maria.

De sobrenome Oliveira dos Santos, ela é habitada sob marcas de uma intensa história vivida no Sul do Paraná. Um percurso com misto de poesia, vida e amor. Também de dor. Mulher admirável. Seu porte é distribuído em um corpo mignon que lhe acompanha pela vida toda. Ela sempre foi assim.

(Fotos: Arquivo Pessoal)
(Fotos: Arquivo Pessoal)

Ao longo dos anos, Maria ficou conhecida por ser uma referência de história viva na cidade onde mora desde menina. Os quatros cantos de Paula Freitas foram muito bem desbravados por ela, enquanto mocinha e que hoje está mais limitado.

Ela ficou conhecida carinhosamente por “Maria Messias”.

De vida simples, é assim que permanece plena até os dias atuais.

2020-103anos2

Sua idade: 103 anos. Ela nasceu em 3 de janeiro de 1917.


Terezinha é quem conta

Ela já é tratada como um ícone em sua cidade.

Quem conta a história é a sua maior fã, a Terezinha Kmita.

2020-terezinha

A aposentada hoje com 72 anos, considera Maria Messias sua filha. Há 23 anos, se tornou a tutora da mulher centenária.

Tudo começou quando a sua sogra, convidou Maria Messia – ainda criança para morar com ela. Mais tarde, elas trabalharam juntas na lavoura. Os anos se passaram e com o falecimento dos sogros, Terezinha se sentiu responsável por Maria. Já acostumadas uma com a outra, e pelo laço de amizade, passaram a morar juntas.

Terezinha é viúva, tem dois filhos e quatros netos.

“A Maria Messias é uma companheira e a sua história merece ser contada. Ela é muito querida. Eu a considero uma filha”, afirma.

 


Maria não casou e não teve filhos.

“Ela gosta de falar de namorados e ainda diz que vai se casar”, conta.

Segundo Terezinha, o segredo da longevidade da amiga é dormir e comer bem.

“Ela gosta de banana e de iogurte”.

Tudo isso pode ser comprovado quando os moradores passam em frente à sua residência, na rua Agostinho de Souza, onde ela diariamente aproveita as tardes de temperatura amena para apreciar o movimento, e cumprimentar todos que demonstram imenso carinho por ela.

“Eu sou a tutora dela, assumi ela. Ela é a minha menina”, afirma.

Durante muitas décadas, Maria Messias, sempre comemora quando completa mais uma primavera, e é uma inspiração para os jovens da cidade.

“Ela é fã dos bailes da terceira idade e sempre diz que tem 18 anos. Outro dia disse que completou 80 anos”.

A memória se embaralha pela passagem do tempo, porém no mais, é lucida e gosta de interagir com as pessoas.


Oh, experiência de vida …

O tempo passa e a modernidade chega invade as nossas vidas, a forma de se relacionar com o mundo e com as pessoas está em constante transformação, mas aqueles ensinamentos ofertados no passado, ah … esses são levados para a vida toda não é mesmo?

2020-103anos


Da redação

A vontade em conhecer pessoalmente Maria Messias é grande.

Porém, em razão da pandemia do novo coronavírus, este encontro ainda não foi possível. Maria faz parte do grupo de risco e a reportagem do Portal Vvale cumpre o que preconiza a Organização Mundial da Saúde (OMS) em manter o distanciamento social.

Oxalá, que a pandemia tão logo se encerre e que possamos estar frente a frente com esta pessoa tão querida pelos moradores de Paula Freitas. A entrevista aconteceu nesta sexta-feira, 5, por telefone com a tutora da Dona Maria, a senhora Terezinha Kmita, que gentilmente atendeu a reportagem e fez questão de narrar a história de sua parceira de vida. De um traquejo elogiável, Terezinha contou tudo e mais um pouco. Do lado de cá, enviamos energias positivas as moradoras de Paula Freitas, em especial a Dona Maria Messias por se considerar uma “mocinha” e esbanjar a vontade de viver.


Guinness

A alagoana Josefa Maria da Conceição, de 117 anos, pode entrar para o Guinness World Records, o livro dos recordes, como a pessoa mais velha do mundo. Ela é moradora do município do Pilar, na região metropolitana de Maceió.

Josefa Maria da Conceição nasceu no dia 7 de fevereiro de 1902. Ela teve 22 filhos, quatro estão vivos. E família é grande: 36 netos, 36 bisnetos e 42 tataranetos.

A japonesa Kane Tanaka, de 116 anos, foi declarada em março de 2019 como a pessoa viva mais velha do mundo. Ela nasceu em 2 de janeiro de 1903.

A família de Josefa Maria da Conceição está aguardando a visita dos avaliadores do Guinness, que irão à casa da idosa para constatar se ela é a pessoa mais velha do mundo. ( g1.globo.com em 2019).

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta