Santa Catarina tem primeira morte confirmada por coronavírus

Santa Catarina registrou na noite desta quarta-feira (25) a primeira morte confirmada provocada pela Covid-19. A informação foi postada pelo governador Carlos Moisés da Silva no Twitter às 23h59min:

Notícia triste: hoje perdemos o primeiro catarinense para o coronavírus. Paciente masculino, de 86 anos, faleceu em São José. Deus nos abençoe e proteja e console a família”, escreveu Moisés.

Conforme dados divulgados mais cedo pelo próprio governador, Santa Catarina já registra 122 casos de coronavírus, um aumento de 12% em relação aos 109 de terça-feira (24), dos quais seis são pacientes que estavam internados em Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

Outras duas mortes estão em investigação, nas regiões Sul e Oeste. Ambos os casos são de pessoas que apresentavam sintomas, mas não haviam notificado a vigilância epidemiológica dos municípios.

Já o número de casos suspeitos, que ainda esperam a confirmação por exames, caiu para 325, contra 336 no dia anterior.

Entre os pacientes, 53% dos casos positivados para Covid-19 são mulheres.

Há pacientes confirmados em 28 municípios de SC.

Segundo o secretário de Saúde, Helton Zeferino, houve mudança na contagem de casos confirmados por cidade, motivo pelo qual ocorreram alterações nos números confirmados com o novo coronavírus em municípios como Florianópolis:

– Levamos em consideração, agora, o endereço da pessoa, mesmo que tenha notificado em outra cidade, onde não reside – argumentou.

Casos por município:

Arroio do Silva – 1

Balneário Camboriú -7

Blumenau – 9

Braço do Norte – 9

Camboriú – 2

Canelinha – 1

Chapecó – 2

Criciúma – 11

Florianópolis – 16 (-4) casos realocados, porque não residem na Capital

Gaspar – 1

Gravatal – 3

Içara – 1

Imbituba – 4

Itajaí – 12

Jaguaruna – 2

Jaraguá do Sul – 2

Joinville – 5

Lages – 1

Laguna – 1

Navegantes – 3

Pomerode -1

Porto Belo – 2

Rancho Queimado – 2

São Jose – 5

Sao Ludgero -1

São Pedro de Alcântara – 1

Tijucas -1

Tubarão – 8

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta