Câmara de União da Vitória realiza última sessão ordinária do ano

Presidente da Casa usou a tribuna para se despedir do cargo e manifestar sua gratidão

Na noite desta segunda-feira, 17, aconteceu a última sessão ordinária do ano da Câmara de Vereadores de União da Vitória. Para o uso da tribuna, o Presidente da Mesa Diretora, Almires Bughay Filho (PSDB). O político se despediu do cargo e manifestou sua gratidão. Ainda, fez um balanço dos dois anos enquanto presidente onde enalteceu o empenho dos edis para a redução das diárias pegas pela Câmara, onde apresentou o seguinte panorama:

– 2013 – gasto c/ diárias R$166.050,00 mil;

– 2014 – gasto c/ diárias R$ 204.360,85 mil;

– 2015 – gasto c/ diárias R$ 84.187,32 mil;

– 2016 – gasto c/ diárias R$ 10.455,30 mil;

– 2017 –  gasto c/ diárias R$ 4.478,91 mil;

– 2018 – gasto c/ diárias R$ 29,90 reais.

Vale ressaltar que o edil explicou que em seu mandato foi instituída a “ajuda de custos” aos vereadores e não mais o termo ‘custas com diárias’.

Em seu discurso, disse que ainda que quando assumiu a Câmara seu objetivo era dar “voz e vez” aos munícipes e comentou que durante este ano a tribuna foi usada por mais de 25 vezes por representantes de diversos segmentos da sociedade.

Comentou também que os vereadores não mais participaram de cursos fora da cidade, mas sim, participaram da Jornada de Palestras sobre Gestão Pública, que aconteceu mensalmente, na própria Câmara, e que também contou com a participação da comunidade, gerando certificados.

Referente aos repasses do Legislativo ao Executivo, em 2017 o montante foi de R$ 2 milhões e 70 mil reais. Já em 2018, o montante irá totalizar R$ 2 milhões e 400 mil reais. Deste valor, amanhã, 18, acontece a cerimônia de repasse ao Executivo, às 17 horas, de um total de R$ 800 mil reais, que serão destinados à Secretaria de Cultura, restauração da Casa Coronel Amazonas, Defesa Animal, Academia de Letras do Vale do Iguaçu, Secretarias de Educação, Esportes e Obras.

Almires finalizou com pedido de escusas ao Grupo Verde Vale de Comunicação, de União da Vitória, onde publicamente disse que errou ao usar o plenário há duas semanas para falar da imprensa e citar a mídia local como sensacionalista. Disse que cometeu um erro na expressão e que enaltece o Grupo, cuja história perpassa 80 anos, como é o caso do Jornal O Comércio.

AINDA NA TRIBUNA …

            O Gerente local da Sanepar, Bolivar Luiz Menoncin Junior, fez o discurso a convite dos vereadores para esclarecer recentes reclamações da falta de água em alguns pontos da cidade. Ele citou que há projetos de ampliação para abastecimento de água e que há processos licitatórios que acontecem em janeiro de 2019. A reclamação em maior número, disse Jair Brugnago (PSDB), vem do bairro Cidade Jardim. O gerente da Sanepar explicou que o que acontece é que houve uma “baixa na pressão de água” para 25 MCA, para que neste período do ano, com o alto consumo, não falte água nas torneiras. O que ele pede é uso consciente da água.

AINDA …

A Reunião Ordinária contou com a Votação do Parecer Fundamentado da Comissão de Constituição, Justiça e Redação Final favorável ao Projeto de Lei Ordinária nº 22/2018 que DECLARA DE UTILIDADE PÚBLICA A ASSOCIAÇÃO DE CORREDORES DE RUA DO VALE DO IGUAÇU – ACORVALI.

REQUERIMENTOS

 Pedido de viabilização de estudos junto ao Executivo para com as secretarias competentes, municipais e estaduais, para a construção de um Espaço Multiuso para as atividades esportivas de Artes Marciais na cidade. O espaço seria de ambiente planejado, fechado, contendo arquibancadas e vestiários para os participantes. O Espaço Multiuso, além de seus objetivos, poderá ser utilizado em vários projetos sociais para a democratização da prática corporal das artes marciais, numa perspectiva de transformação social, contribuindo com a formação da cidadania, inclusão social, melhoria da qualidade de vida dos participantes, além de detectar talentos, nos âmbitos olímpico e não olímpico, transformando União da Vitória numa referência nas modalidades de Artes Marciais.

MOÇÕES

Um Voto de Aplausos ao senhor Amarildo Júlio Ribas Gomes, de 48 anos, pelo reconhecimento como um dos maiores doadores de sangue de União da Vitória. Amarildo visita o hemocentro de nossa cidade quatro vezes por ano desde 1990, chegando a incrível marca de mais de 92 doações, além de ser um defensor da causa.

Voto de Profundo Pesar

Pelo falecimento de Dionize Maria Pavarin de 56 anos, ocorrido no dia 16 de dezembro deste ano, esposa de Aristides Euclides da Silva Filho funcionário da Prefeitura Municipal de União da Vitória. Sempre muito prestativa e querida, Dionize era também conhecida como Dionize da Condent.

 

NOS BASTIDORES … 

            Nada havendo com a sessão desta noite, mas cabe aqui o registro, de que os “murmúrios” nos bastidores se davam em razão de um possível descontentamento nesta tarde, por parte do Sindicato do Magistério de União da Vitória, para um possível nome que irá assumir a pasta da educação na cidade. O que se ouviu é que os sindicalizados é que querem indicar o nome.