Empurrado pela torcida, Iguaçu vence e é vice-líder do Paranaense

O jogo marcou o reencontro da torcida com o time dez anos depois

(Foto: Jair da Silva "Kiko").
(Foto: Jair da Silva “Kiko”).

Foram dez anos de espera. O último encontro foi 2009. E neste domingo, 8, o tão aguardado reencontro aconteceu, e em grande estilo. Com o estádio Municipal Antiocho Pereira, em União da Vitória, lotado, o Iguaçu venceu com autoridade o Andraus Brasil por 3 a 0, em jogo válido pelo Campeonato Paranaense – Série C.

A espera

Desde a campanha de 2009 que culminou no rebaixamento do Iguaçu para a Série B do Campeonato Paranaense, o torcedor iguaçuano aguardava por esse momento. E deu a resposta, lotando as arquibancadas do reinaugurado estádio.

(Foto: Jair da Silva "Kiko").
(Foto: Jair da Silva “Kiko”).

Um mar azul e amarelo ganhou a Avenida Coronel Amazonas, eram amigos, familiares, todos para torcer pelo Iguaçu.

O jogo

Para o confronto, o técnico Richard Malka promoveu algumas alterações com relação a ultima rodada. Adriano Lara foi para a lateral direita, Marcos Paulo ganhou uma vaga no meio-campo e Bruninho, prata da casa foi o responsável pela criação do meio com o ataque iguaçuano.

E as alterações surtiram efeito, tanto que as principais investidas de ataque do Iguaçu nos primeiros minutos, foram em jogadas de triangulação entre Adriano Lara e Bruninho.

Porém, o técnico Norberto Lemos do Andraus alterou sua equipe, tirou o lateral Jean e colocou o atacante Foca, que atuou pelo lado esquerdo do ataque. Com isso, Adriano Lara teve neutralizada uma de suas características que é o apoio ao ataque.

Sendo assim o Iguaçu precisou buscar alternativas para chegar ao gol adversário. E uma delas foi em cobranças de faltas ou escanteios. Aos 20 minutos do primeiro tempo, Alex cobrou falta na grande área, o volante Ervin tentou afastar, mas mandou contra o próprio gol. Era a festa do torcedor iguaçuano nas arquibancadas.

Atacante Sabiá (à direita) foi um dos destaques do jogo. (Foto: Jair da Silva "Kiko").
Atacante Sabiá (à direita) foi um dos destaques do jogo. (Foto: Jair da Silva “Kiko”).

A partir daí, o Andraus tentava o empate nos contra-ataques, e o Iguaçu tentava por meio da troca de passes chegar à defesa adversária para ampliar o marcador.

O Iguaçu teve algumas oportunidades de gol, mas, acabou pecando na finalização. Em outra chance, Bruninho se preparava para o chute, quando foi desarmado pelo defensor adversário.

Para o segundo tempo, a estratégia das equipes era a mesma, porém, o Iguaçu se demonstrou mais eficiente. Após boa troca de passes, Alex fez grande jogada e somente foi parado com falta dentro da grande área. O árbitro não teve dúvidas e marcou pênalti. Sábia cobrou com categoria e marcou o segundo para o Iguaçu.

Com isso, o Iguaçu conseguiu ter mais tranquilidade para tocar a bola, administrar o resultado, e quem sabe ampliá-lo, como conseguiu aos 22 minutos da etapa finaa.

Sabiá roubou a bola do adversário e foi parado somente dentro da área. Mais um pênalti marcado pelo árbitro. O Centro iguaçuano cobrou da mesma forma que o primeiro pênalti, e marcou o terceiro gol, para delírio do torcedor.

Com 3 a 0 no placar, o Iguaçu somente administrou, tentou em algumas jogadas ampliar o resultado, mas sem sucesso. Já o Andraus nocauteado em campo, não conseguia assustar o goleiro Régis, que na maioria do tempo foi um mero expectador do jogo.

Iguacuxandraus-futebol

Com o resultado, o Iguaçu chegou a vice-liderança do Paranaense, com 7 pontos, três a menos que o líder Arapongas.

O que vem por aí…

O Iguaçu volta a campo no próximo domingo, 15, para enfrentar o Azuriz, na cidade de Marmeleiro, ás 15h30.

RESULTADOS DA RODADA

Crecal 1×1 Colorado

Campo Mourão 0x3 Araucária

Arapongas 3×1 Verê

Cambé 0x1 Portuguesa Londrinense

classificacao-paranaense-futebol

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta