Craques brasileiros que nunca disputaram uma Copa do Mundo

·
Atualizado há 10 meses

O Brasil sempre produziu uma enorme quantidade de craques. Dessa forma, em razão da forte concorrência, muitos deles nunca chegaram a disputar uma Copa do Mundo. Será que também veremos algum grande jogador ficar fora da disputa em 2026? Diversos torcedores têm aproveitado o Codigo bonus bet365 para fazer suas previsões esportivas.

Entre os craques brasileiros que nunca disputaram uma Copa do Mundo, alguns passaram bem perto e outros eram nomes tidos como certos pela crônica esportiva. No entanto, por uma razão ou por outra, acabaram sendo preteridos. Vamos, portanto, relembrar quatro grandes jogadores que nunca tiveram a oportunidade de disputar um Mundial.

Djalminha


O meia Djalminha é um desses jogadores que estiveram com um pé na Copa do Mundo. Em 2002, ele seria um dos convocados por Luiz Felipe Scolari, mas pouco antes da competição, acabou agredindo o então treinador do La Coruña Javier Irureta e, por conta disso, ficou fora da lista.

Entretanto, com a bola nos pés, Djalminha foi um dos jogadores mais espetaculares que o Brasil já produziu. Sua enorme categoria, passes precisos e jogadas mágicas fizeram milhões de torcedores – em todo o mundo – começarem a amar o futebol.

Amoroso


O que dizer de um atacante que foi artilheiro da Bundesliga, da Série A italiana e do Campeonato Brasileiro? Revelado pelo Guarani, Amoroso, sem dúvidas, tinha um faro de gol apurado.

Apesar de ter conseguido feitos incríveis no futebol, Amoroso enfrentou uma concorrência pesada na seleção. Nomes como Romário, Ronaldo, Edmundo, Bebeto, Müller, entre tantos outros, estavam na ativa e, por isso, um dos grandes camisas 9 produzidos pelo futebol brasileiro não teve a chance de jogar uma Copa.

Alex


Quase toda a crônica esportiva acreditava que Alex estaria na Copa de 2002. Afinal, o treinador era Luiz Felipe Scolari, com quem o meia havia feito uma parceria de sucesso no Palmeiras, conquistando títulos importantes e tornando-se, ambos, ídolos da torcida.

Todavia, o nome do jogador, para espanto geral, não apareceu na lista de convocados. Nem quando Emerson teve de ser cortado em razão de uma lesão, o treinador lembrou-se dele. Até hoje, o fato de Alex não ter disputado uma Copa é considerado uma das grandes “injustiças” do futebol brasileiro.

Élber


Outro grande atacante que, em razão da enorme competitividade da época, nunca conseguiu jogar uma Copa do Mundo é Élber.

No fim dos anos 90 e começo dos 2000, o atacante fez um enorme sucesso com a camisa do gigante Bayern de Munique. Entretanto, assim como Amoroso, acabou perdendo espaço na seleção para jogadores como Romário, Ronaldo e companhia.