Bituruna e Cogemate se reunem com Ministra da Agricultura e levam demandas

(Foto: Assessoria).
(Foto: Assessoria).

Durante esta semana, o prefeito de Bituruna, Claudinei de Paula Castilho, cumpriu agenda em Brasília. Uma das suas atividades foi a participação na audiência com a Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e outros participantes do setor ervateiro brasileiro.

Representando o Cogemate (Conselho Gestor da Erva Mate do Território Vale Do Iguaçu) e Bituruna, ele defendeu a cadeira produtiva da região e interesses relacionados a produção, industrialização e comercialização do produto.

ervamate-bituruna-brasilia (2)

Acompanhados do deputado Afonso Hamm, autor da Lei 13.971/2019, que institui políticas públicas para a cadeia produtiva da Erva-Mate, o grupo encaminhou pleitos para fortalecer o setor. Também foram apresentadas medidas que serão contempladas no Plana Safra 2019/2020, responsável por garantir créditos para o agricultor investir e custear a produção.

“Temos pessoas de vários locais do Brasil defendendo nosso ouro verde e ajudando a dar visibilidade para o assunto. Ficamos felizes em saber que o Ministério da Agricultura valoriza e reconhece a importância do setor para a economia do país”, destacou o prefeito Claudinei. “Agora vamos acompanhar o andamento de outras demandas que serão discutidas com a Câmara Setorial da Erva-Mate para implementar ao longo dos próximos meses”, completa.

A audiência também contou com a presença do presidente do Sindimate/RS, Álvaro Pompermayer, do vice-presidente do Sindimate/SC, Luís César Fuck, representantes do Ibramate, do Sindimate/MS, da sócia-proprietária da ervateira Yacuy, Juliana Fuck, prefeito de Jacutinga/RS, Carlos Alberto Bordin (Beto), o prefeito de Novo Barreiro/RS, Edinaldo Rossetto (Tito), o deputado estadual do Paraná, Emerson Bacil, e integrantes da Câmara Setorial. Durante a visita à Brasília, o prefeito Claudinei também se reuniu com os paranaenses: Abelardo Lupion, servidor da Casa Civil Federal e deputado federal Pedro Lupion. Ambos receberam o material do conselho e se colocaram a ajudar e manter as portas abertas para o desenvolvimento do setor.

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta