Casa da Amizade há mais de 30 anos criando laços e ajudando o próximo

Instituição comemora neste mês 32 anos de atuação

O nome já deixa claro o objetivo de ações, a Casa da Amizade de União da Vitória reúne voluntárias, amigas, para uma causa só: ajudar quem precisa através dos laços de amizade. Para tanto, bazares, feijoadas, venda de pastel por exemplo são promovidos, e tudo que é arrecado revertido na compra de alimentos, roupas e utensílios para quem procura essa ajuda.

A Casa também ajuda os pacientes da Associação de Reabilitação de Lesões Lábio Palatais (ARLEP) em suas viagens, as mamães da Associação de Proteção a Maternidade e a Infância (APMI) entrou outras atividades. Recentemente, ajudaram o Rotary de Porto União em uma feijoada beneficente.

Os laços da amizade formados por essa Casa se formou ainda na década de 80, a ideia surgiu em agosto de 1987 e o registro oficial em 1988.

Toda a primeira quinta-feira do mês os encontros acontecem, claro, que quando necessário outros encontros acontecem. O foco das reuniões, é como ajudar as pessoas carentes.

O mês de agosto é especial, afinal, a entidade completa seus 32 anos de serviços voluntários prestados a comunidade de maneira ininterrompida.

Para comemorar a data, além da participação da feijoada solidária do Rotary, as voluntários participaram de uma missa no abrigo Santa Clara seguido de um lanche especial para as internas, irmãs e voluntárias do abrigo.

 

A Casa da Amizade

A instituição que começou na década de 80, surgiu através do Rotary, era formando incialmente por participantes do clube, depois, com o passar do tempo se tornou independente, e hoje, conta com 20 voluntárias.  A diretoria hoje é formada pela presidente Eliane Abilhõa Capriglione; vice- presidente Heliete Gasparotto; secretaria Maria Cristina Iwanko; vice secretaria Rosely Heidn Comnisky; tesoureira Vilma Bacci de Araujo; vice tesoureira Suéli Tatiane Vicentin; protocolo Mariana Niemies; vice protocolo Ana Maria Caezar; conselheiras Angelina Cechin; Maria Isabel Mattiola; orientadora setorial Maria Ilicione Schmith Pohol;

 

 

 

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta