Marco Tebaldi morre vítima de câncer aos 61 anos

Marco Tebaldi
Marco Tebaldi

Neste domingo, 13, às 19h10 no Hospital da Unimed, morreu o ex-prefeito de Joinville Marco Tebaldi, que há dois anos vinha lutando contra um câncer no pâncreas. Em agosto de 2017 fez cirurgia seguido de tratamento e ultimamente teve mais complicações como a obstrução da vesícula biliar e infecção bacteriana. Saiu da UTI do Hospital da Unimed em Joinville, voltou ao quarto e continuou internado mais alguns dias.

Tebaldi foi prefeito de Joinville de 4 de abril de 2002 até 31 de dezembro de 2008. Assumiu com a renúncia de Luiz Henrique da Silveira que concorreu a governador. Em 2004 foi reeleito no primeiro turno.

Nascido no distrito de Capo-Erê, no dia 31 de janeiro de 1958, em Erechim (RS) formou-se em Engenharia Sanitária e Ambiental pela UFSC. Em 1986 se estabeleceu em Joinville para coordenar o Núcleo de Bacias Hidrográficas, quando criou o Projeto Mangue, destaque na Eco-92.Tebaldi está radicado no município há 33 anos. Iniciou na Prefeitura como engenheiro sanitarista em 86 coordenando o Núcleo de Bacias Hidrográficas que tinha como objetivo conter invasões em áreas de manguezal e promover a urbanização de áreas ocupadas além de recuperar áreas degradadas.

Em 92 foi eleito vereador, logo em seguida foi o primeiro titular da Secretaria de Habitação onde ficou até o ano 2000. Elegeu-se vice-prefeito na chapa liderada por Luiz Henrique e assumiu como prefeito em 4 de abril de 2002, quando LHS renunciou para concorrer a governador. Em 2004 Tebaldi foi reeleito no primeiro turno. Nas eleições de 2010 os catarinenses o elegeram Deputado Federal tendo sido reeleito em 2014. Também exerceu o cargo de Secretário de Estado da Educação durante 2011.

Como prefeito deixou sua marca com grandes realizações e ações que planejaram Joinville para o futuro como o Planejamento Estratégico. Buscou recursos externos no Fonplata, Banco Mundial para obras de mobilidade, parques e saneamento básico e deixou grandes realizações como:
Construção da Arena Joinville – Estádio Municipal
Construção do Expocentro Edmundo Doubrawa – Centreventos
Construção do Megacentro Wittich Freitag – Expoville
Construção recorde de pavimentação urbana – 472 km em 1.239 ruas
Construção, reforma e ampliação de 447 salas de aula
Construção, reforma e ampliação de 60 postos de saúde
Implantação do PA 24 Horas Costa e Silva (Norte)
Implantação do PA 24 Horas Aventureiro (Nordeste)
Complexo Emergencial Ulysses Guimarães – Hospital Municipal São José
Implantação de amplo programa de formação de atletas – Jovem Cidadão
Retomou os direitos da água e criou a Companhia Águas de Joinville
Implantou a abertura da Avenida Marquês de Olinda – trecho entre as ruas 15 de Novembro e Anita Garibaldi
Implantou a abertura da Rua São Paulo – trecho entre as ruas Barra Velha e Boehmerwald
Implantou amplo programa de subvenção social para o terceiro setor que complementava as ações para os menos assistidos
Estação da Cidadania Max Lütke – Pirabeiraba
Estação da Cidadania Abílio Bello – Nova Brasília

E como deputado federal destinou mais de R$ 188 milhões para municípios e o Estado de Santa Catarina, através de emendas parlamentares ao Orçamento Geral da União, que foram aplicadas em infraestrutura, agricultura, turismo, assistência social, saúde, hospitais filantrópicos, transporte escolar e várias áreas.

PSDB lamenta morte de Tebaldi

O PSDB de Santa Catarina divulgou uma nota de pesar pelo falecimento de Marco Tebaldi, assinada pelo deputado Estadual Marcos Vieira.

NOTA DE PESAR

Em nome do gabinete do deputado Marcos Vieira, lamentamos o falecimento do presidente do PSDB de Santa Catarina, o ex-deputado federal Marco Tebaldi, aos 61 anos, ocorrido às 19h10 deste domingo, em Joinville, em decorrência de um câncer contra o qual lutava há dois anos.
Tebaldi construiu uma trajetória brilhante como homem público. Vereador, Vice-prefeito e por fim prefeito por dois mandatos da maior cidade do Estado, também foi Secretário Estadual da Educação e Deputado Federal em dois mandatos, além de ter se consolidado como uma liderança histórica do PSDB catarinense, nos sucedendo na presidência estadual do partido em maio desse ano, e desde então fazia um importante trabalho de mobilização dos filiados para as eleições de 2020.
Perdemos uma liderança histórica e, principalmente, um amigo de caminhada política.
Nos solidarizamos com a dor dos familiares, mas temos a certeza de que Marco Tebaldi deixa um legado de honra para Santa Catarina.

MARCOS VIEIRA
DEPUTADO ESTADUAL

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta