Vereadores sugerem criação de escola para formação de policiais

Assunto esteve na pauta da sessão de segunda, 18, dando seqüência em um assunto apontado em recente uso de Tribuna, pelo comandante da PM de União da Vitória

Em outubro, comandante Taborda apresentou os números do Batalhão na Tribuna da Câmara
Em outubro, comandante Taborda apresentou os números do Batalhão na Tribuna da Câmara

Todos os vereadores de União da Vitória assinam nessa semana o Requerimento Nº 46/2019. O texto sugere um estudo para a criação de uma escola de formação de policiais militares do Estado do Paraná no município. A idéia seria acolher 90 alunos.

Na Justificativa, os parlamentarem lembram a recente participação do Comandante do 27º Batalhão de Polícia Militar do Paraná, o tenente coronel  Renato dos Santos Taborda. Na ocasião, ele mostrou números e confirmou um déficit de pessoal no Batalhão. Atualmente, a corporação conta com efetivo de 172 policiais, mas a idéia original, na formação do Batalhão, era de um elenco de 350 homens. “Número esse que viria a suprir a demanda da região de competência da entidade. Entretanto, trabalhando com menos da metade do que havia sido previsto, o Batalhão ainda sim se desdobra para poder atuar de forma a atender todas as demandas da sociedade”, diz a redação do Legislativo.

Com dois anos e dez meses de criação, conforme o comandante,  mas de 33 mil ocorrências foram atendidas, 1.600 prisões em flagrantes registras e mais de 76 mil atendimentos pelo 190. “Além dos trotes, que foram 16.256”, completou na sessão do dia 18 de outubro, o tenente coronel. Além do trabalho especifico da Polícia, o Batalhão ainda presto auxilio aos pedidos do Judiciário, da Polícia Civil e também da prefeitura. “Atuamos neste controle do consumo da bebida, apoiamos as ações da Companhia de Habitação, nas reintegrações de posse e até na segurança das festas que acontecem nos municípios que atendemos”, falou o comandante.

“A maneira como a Polícia Militar trabalha em União da Vitória e demais cidade, mesmo diante de inúmeras dificuldades, é condizente com a honradez e sacrifício que guiam os valores da lendária Polícia Militar do Estado do Paraná. Independente das intempéries, a instituição provê aos cidadãos todo ao auxilio necessário”, encerrou a Justificativa.

O Requerimento foi aprovado e agora segue os cainhos legais, chegando até as autoridades militares.

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta