Acidente mata superintendente da Casa Civil do Paraná

Outras duas pessoas morreram no acidente

(Foto: PRF).
(Foto: PRF).

Um grave acidente na BR-277, na região de Teixeira Soares, próximo a Ponta Grossa, matou três pessoas na tarde desta segunda-feira, 1º. Uma das vitimas é o superintendente de Governança da Casa Civil do Governo do Estado do Paraná, Phelipe Mansur, de 38 anos. O acidente envolveu seis veículos e chovia muito.

Além de Mansur que faleceu após chegar ao hospital de Irati, morreram no acidente  João Ricardo Schneider e o motorista Paulo Rogério da Cruz, servidores da Casa Civil.

(Foto: Reprodução WhatsApp).
(Foto: Reprodução WhatsApp).

As vitimas estava em um Nissan Sentra com placas de Curitiba. Os demais veículos envolvidos no acidente foram um Ônix de Teixeira Soares, um caminhão VW 24.250 de Barueri (SP), Peugeot 307 de Curitiba, Voyage de Cascavel e uma Montana de Irati.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) esteve orientando o trânsito.


Biografia

Phelipe Mansur começou a empreender cedo, com apenas 18 anos. Administrador de Empresas, com pós-graduação em Gestão Pública e um diploma de Global Change Agents obtido pela Harvard Kennedy School; é autor de um livro sobre Empreendedorismo.

Phelipe Mansur. (Foto: Reprodução facebook).
Phelipe Mansur. (Foto: Reprodução facebook).

Empresário do ramo alimentício, foi membro da diretoria da Associação Comercial e Empresarial de Foz do Iguaçu (ACIFI).

Foi candidato a prefeito em 2016 e 2017 por Foz do Iguaçu. em 2018 concorreu à deputado. Phelipe Mansur também apresentou o programa a Hora do Voluntário entre 2015 e 2016 na Rádio Cultura.

Phelipe Mansur havia confirmado a pré-candidatura à prefeito de Foz do Iguaçu em 2020. Ele deixaria a Casa Civil nesta semana para cumprir o prazo eleitoral.

*Informações do portal Folha Extra

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta