Novas trilhas e mirantes no Morro da Cruz

(Foto: Assessoria).
(Foto: Assessoria).

O Complexo Turístico Morro da Cruz em Porto União está recebendo melhorias e inovações. Para tornar a caminhada mais acessível e segura ao público, a Secretaria de Cultura e Turismo utilizou as trilhas já existentes e abriu novas em terreno acidentado para aperfeiçoar o trajeto, incluindo passarelas, degraus e corrimões onde os trechos são mais difíceis.

Segundo a Prefeitura, a abertura dos novos trechos é possível atravessar o morro entre o Parque do Monge João Maria e o topo onde fica o Cristo.

Além disso, dois novos mirantes foram instalados ao longo da trilha que dão visão para diferentes ângulos da cidade. Um deles fica direcionado ao Parque do Centenário.

As trilhas cortam o morro de cima abaixo passando pelas grutas e dando acesso a uma rica fauna e flora que estão em fase de demarcação com placas explicativas.

morrodacruz-turismo-portouniao (1)O Complexo Turístico Morro da Cruz reúne, em pleno centro da cidade, diversas opções de lazer. Seja pela prática esportiva, pela religiosidade, pela história, biologia ou geografia, é um passeio que pode ser explorado por todas as idades.

Na altura das três grutas está sendo construída uma rampa com inclinação leve para dar acesso aos cadeirantes e pessoas com mobilidade reduzida.

Todo material utilizado para dar maior acessibilidade às trilhas é natural. Trata-se de madeira tratada e de qualidade que respeita o caminho traçado, contornando a vegetação, sem interferir no seu crescimento.

As trilhas podem ser acessadas em dois pontos: no alto do Morro da Cruz, a direita do Cristo, antes do cercado ou pelo Parque do Monge João Maria.

O parque do Monge João Maria foi totalmente reformado no ano passado tendo sido substituídas suas passarelas. O local ganhou bancos e um mirante mais avançado que permite uma visão da curva do Rio Iguaçu.

Uma ponte de pedra e madeira facilitou o acesso à segunda escultura do monge e às trilhas que terminam no topo do morro, ao lado do Cristo.

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta