CIGERD de Canoinhas é entregue

(Foto: Assessoria).
(Foto: Assessoria).

Uma grande solenidade marcou a entrega do Centro Integrado de Gerenciamento de Riscos e Desastres (CIGERD) de Canoinhas. O local, entregue na tarde desta sexta-feira, 9, possui cerca de 160 metros quadrados e foi construído com nove módulos de ferro galvanizado. A estrutura é autossuficiente e capaz de permanecer operacional mesmo com falta de energia elétrica na cidade.

Foram disponibilizados equipamentos modernos, sala de reunião e situação, garagem, depósito, banheiro e cozinha. No total foram investidos cerca de R$ 800 mil.  O projeto foi colocado em pratica graças a uma parceria da Secretaria de Estado da Defesa Civil e a Secretaria de Estado da Educação, que cedeu o terreno.

Segundo o Secretário de Estado da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli, o CIGERD é muito mais que uma ferramenta de gestão. “O projeto representa uma resposta mais rápida para a população da Região. O Centro converge em um local de debate em época de normalidade e, em situações de crise, o local onde as decisões serão tomadas “, destacou o secretário.

O Secretário da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Mafra, Abel Schroeder, parabenizou a implantação do CIGERD e colocou a ADR à disposição. “Aqui nos vamos saber como agir e reagir em situações de catástrofes”, completou.

O CIGERD Regional faz parte de um projeto inovador onde foram utilizadas referências internacionais em funcionalidade buscando a praticidade na operação. Na elaboração do conceito os técnicos da Defesa Civil utilizaram referencias captadas por meio de trocas de experiências com outros países, a exemplo do Japão.

O CIGERD Regional de Canoinhas atende os 10 municípios da Associação dos Municípios do Planalto Norte (Amplanorte). São eles: Bela Vista do Toldo, Canoinhas, Irineópolis, Itaiópolis, Mafra, Major Vieira, Monte Castelo, Papanduva, Porto União e Três Barras.

A Secretaria de Estado da Defesa Civil está implantando no total 20 centros do mesmo modelo, estrategicamente distribuídos no Estado. A exemplo do CIGERD Regional de Canoinhas, todos serão interligados com a base em Florianópolis. Isso facilita a gestão da crise e possibilita uma resposta rápida ao cidadão.

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta