Paraná terá mais de 20 corridas de rua em Junho: Saiba como se preparar

(Foto: Pixabay).
(Foto: Pixabay).

Em todo o estado do Paraná, mais de  20 corridas de rua serão realizadas durante o mês de junho. As provas abrangem desde iniciantes até profissionais de maratona com percursos de 1,5 km até 12 km.

Entre as tantas opções existem as corridas beneficente, como a Corrida e Caminhada SOS Bichos, que acontecerá em Ponta Grossa, no dia 30. Tem também a 2ª Corrida Solidária de São José, dia 9, em Assaí. Ou ainda a Corrida Solidária de São Paulo Apóstolo também no dia 30, em Rolândia.

Tem ainda opções que festejam datas comemorativas como a 2ª Corrida dos Namorados, em Matinhos, no dia 12. A Corrida da Lapa será feita em comemoração aos 250 anos da cidade, no dia 16.

A Santander Track & Field Run Series – Patio Betel, que acontecerá em Curitiba, no dia 30, é uma opção para quem já treina há algum tempo e têm maior preparação física.

Vai participar de alguma delas? Então confira as nossas dicas para aumentar a sua performance.

Tenha uma rotina de exercícios

Os treinos diários são indispensáveis. Além dos específicos, que simulam o circuito, é igualmente importante investir no fortalecimento dos músculos como preparação para a prova. Exercícios funcionais são muito bons para a finalidade porque trabalham todo o corpo aumentando a estabilidade e a consciência corporal.

É também importante investir nos treinamentos do core, que é o centro da força corporal. Ele ajuda a manter uma postura correta e a estabilizar o impacto da atividade nas articulações.

Especialistas indicam ainda a prática de agachamentos e saltos. Isso porque eles ajudam a trabalhar a força e potência muscular, evitando lesões durante a prova.

Mas, atenção! Intercale os dias de corrida com os treinos. O ideal é que você procure o acompanhamento de um profissional para te direcionar e evitar os exageros que possam te sobrecarregar e despreparar para a prova.

Treine a respiração

Quem gosta de corrida precisa aprender a respirar corretamente. Para quem está começando agora, talvez esse seja um dos desafios mais difíceis. Quanto melhor a qualidade da sua respiração, mais oxigenação será distribuída para os seus músculos, o que aumentará o seu rendimento.

Existem três tipos de respiração: a pulmonar, a diafragmática e a intercostal. O jeito certo de respirar durante uma corrida é utilizando o diafragma. Para isso, você precisa respirar como se fosse encher a barriga (não o peito, como é feito na pulmonar) e depois soltar. Faça isso diariamente para que se torne algo consciente e te facilite durante a prova.

Aqueça

Antes de qualquer exercício é importante fazer pelo menos 10 minutos de aquecimento. A prática faz com que o corpo se prepare para a atividade, porque aumenta gradualmente o fluxo sanguíneo para os músculos. Aquecer garante não só um melhor resultado, como evita câimbras, náuseas e enjoos.

Você pode aquecer o corpo para a corrida fazendo uma caminhada leve.

Alimentação balanceada

Faça boas escolhas alimentares tanto durante o período de treinos, quanto no dia da prova. Procure manter uma dieta equilibrada que contenha componentes de todos os grupos alimentares.

Lembre-se de ingerir bastante água para hidratar o corpo. Durante o período de preparação é importante aumentar o consumo de carboidratos para manter a reserva de energia, evitando o esgotamento. As proteínas são essenciais para recuperar os músculos.

O uso de suplementos pode ser feito, desde que seja indicado por um profissional. “O BCAA, por exemplo, é muito recomendado como suplementação protéica a ser ingerida antes do treino ou da prova”, explica Beatriz Oliveira, porta-voz do site SAUDAVELEFORTE.

No dia da corrida, evite comer alimentos diferentes do que está acostumado para não correr o risco de ter algum desconforto gástrico. E a dica mais importante: JAMAIS corra em jejum.

Use Roupas adequadas

Utilize roupas adequadas ao esporte. Em lojas especializadas você pode encontrar tênis com amortecimento anti-impacto, bermudas térmicas e camisetas com tecidos respiráveis.

Nesse caso não é necessário investir em roupas mais caras. O importante é o conforto aliado à qualidade do produto que realmente te ajude durante a atividade.

Descanse apropriadamente

O sono é o melhor remédio para a recomposição corporal, portanto, durma oito horas por noite, principalmente antes e depois da prova. Respeite o limite do seu corpo e repouse entre as pausas do treino.

O descanso faz parte do processo de preparação corporal para evitar lesões e o cansaço excessivo, que podem fazer com que o rendimento diminua.

0 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta